Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



20190210_221207.jpg

Rua dos Arcos, em Tomar

Que essa palavra nos aparte, ave ou inimiga! eu gritei, levantando - "Volta para a tua tempestade e para a orla das trevas infernais! Não deixa pena alguma como lembrança dessa mentira que tua alma aqui falou! Deixa minha solidão inteira! - sai já desse busto sobre minha porta! Tira teu bico do meu coração, e tira tua sombra da minha porta!" 

E o Corvo disse: Nunca mais.

 

Edgar Allan Poe

 

Autoria e outros dados (tags, etc)





Mensagens