Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Os filhos do embaixador iraquiano,colocado em Portugal, espancaram um português e não lhes aconteceu nada, porque gozam de imunidade diplomática. Já o filho do embaixador francês, da Delegação da União Europeia na Tunísia, tentou matar o pai e ficou em prisão preventiva.Aparentemente, estamos perante duas decisões contraditórias, mas a imunidade diplomática aplica-se de acordo com o país onde o diplomata é colocado. Pois amim, só me ocorre uma ideia: Língua-de-gato, bola de pelo e vómito na certa!
À conclusão, a lei é um jogo de “gato-sapato”e se usas sapatilhas ou ténis já não estás bem calçado. A única solução seria uniformizar o tipo de calçado? Eu, como não gosto de ser um gato-sapato, sou a favor que eliminem a tal cena da imunidade.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



foto do autor



Arquivo



Mensagens