Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Livro Pensamento

O Livro Pensamento

Qua | 04.10.17

A recordar o tempo

edite
Ontem foi dia de comemorar mais um aniversário de casamento. Xiiiii, como o tempo voa e os anos passam! Vocês já sentiram a sensação de que cada dia que passa é como um fio de ar volúvel que escorre entre os dedos? Algo me escapou, certo? Será que existe uma linha ténue entre um tempo psicológico e um tempo agitado pela fúria da rotina? Não sei, sei sim que é necessário parar o tempo. Estou aqui a pensar nisso e nas vantagens que me traria. Mas temos de ser realistas e isso (...)
Ter | 03.10.17

Línguas-de-gato | O desabafar de uma promessa # 39

edite
Já dizia Martin Luther King "O que me preocupa não é o grito dos maus, mas o silêncio dos bons". Concordo inteiramente porque é deveras preocupante e secante (só para rimar e miar) os "gritos" que se ouvem. Tanto sofrimento! O que é que se passa com os humanos?! Esta imagem é um exemplo do que referi e eu identifico-me com o gatinho preto perdido no meio desta confusão toda e embora miar nada resolva sei que o silêncio apenas prejudica e aproveita quem tem interesse em que (...)
Seg | 02.10.17

A rapariga de antes, de JP Delaney

edite
Sinopse: aqui. Opinião: O título e a sinopse já revelam um pouco a história, mas assim que abri o livro percebi que não estava preparada para me "enervar", especialmente quando comecei a ler um capítulo em que a narrativa é feita sob o ponto de vista de Emma (no passado) e a seguir outro sob o de Jane (no presente). Esta alternância entre as duas habitantes do 1.º Folgate (...)
Ter | 12.09.17

O vermelho e o negro, de Stendhal

edite
Opinião: Stendhal tinha 47 anos quando escreveu "O Vermelho e o Negro". Este romance histórico-psicológico foi publicado em 1830. Hoje em dia, seria descrito como uma história de amor "baseado em factos verídicos", uma vez que Stendhal ter-se-á inspirado no caso de Antoine Berthet. Tal como Julien, Berthet era um jovem que ingressou num seminário e, depois, foi perceptor e amante de madame Michoud. Mais tarde vinga-se nesta e atira durante a missa. O seu julgamento ocorreu em (...)
Seg | 04.09.17

Começar de novo

edite
Desculpem a demora. Como o tempo voa! Pretendia fazer uma pausa para verificar o que me deixava de rastos ao ponto de não me conseguir concentrar a 100% no meu trabalho. E já passou mais de um mês!!! Andei cansada, é certo, mas isso não foi motivo para abandonar as leituras, pois, mal ou bem, fui lendo vários livros. Considero que esta ausência não foi um tempo perdido, apenas não escrevi no blog porque necessitava de refletir se valia a pena continuar (sem tempo para nada) ou se (...)