Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Livro Pensamento

O Livro Pensamento

Ter | 18.07.17

Línguas-de-gato | Estou cansado de tentar perceber os humanos # 37

edite
Esta semana não tenho muito para contar. Só uma coisinha. Nada de importante. Nem sei se fale nela. Não interessa mesmo nada. Sou um gato educado e nem costumo cometer inconfidências, mas miau... custa um bocado não ter ninguém com quem desabafar. O Amado gato falou tudo o que quis e lhe apeteceu e ando um bocado consumido com a história. Miar muito pode ser complicado por aqui (não sei se não me alteram a voz 
Qui | 13.07.17

A casa de bonecas, de M. J. Arlidge

edite
    Opinião: O desconto de 50% chamou por mim, a capa disse para comprar e eu fui. Esta é parte da minha história, porque, quanto ao livro, de um género thriller policial que geralmente não desilude, tem uma narrativa que "agarra" logo o leitor. Resumindo, a história inicia-se quando um corpo de uma jovem é encontrado numa praia e outra jovem desapareceu. Helen Grace é detective e inicia a investigação da morte e do rapto. É, portanto, em capítulos curtos, que vamos (...)
Qua | 12.07.17

1001 livros para ler antes de morrer, de Peter Boxall # Parte 2 - século XIX

edite
 Parte # 1 - antes de 1800 \  Parte # 2 - século XIX   Na quarta-feira passada, apresentei a lista referente ao primeiro capítulo deste livro, mas se não se lembrarem ou quiserem saber qual é basta clicarem no link acima para aceder à mesma. Na verdade, seriam precisas muitas vidas para ler todas as obras indicadas nesta edição de 2007 (e que já foi (...)
Ter | 11.07.17

Línguas-de-gato | Os humanos divertem-se e os gatos aborrecem-se # 36

edite
Os humanos, cá em casa, apreciam muito a vista da janela da cozinha. Veem o eucaliptal e vários animais que aí habitam, como coelhos bravos e, ultimamente, um coelho grande, gordo, branco e amarelo. Dizem que fugiu de alguma coelheira vizinha. Dizem ainda que está bem tratado e que constuma mordicar folhas tenrinhas na companhia dos outros coelhos, pequenos, mas bravos. Os humanos falam que só se conseguem ver bem os coelhinhos bravos quando estes fogem, pois, como são cinzentos, o (...)
Seg | 10.07.17

Adoro desafios e mistérios # 7

edite
Nas apresentações de livros, os escritores são frequentemente questionados sobre o modo como encaram ou ocorre o processo de escrita. As respostas são variadas, pois cada escritor tem a sua maneira própria de o fazer e perante essa pergunta o mais certo é a resposta não ser a expetável. Atendendo a que não podemos definir esse processo criativo de forma universal, lancei-me numa espécie de desafio e, como sou curiosa, procurei saber qual o "gatilho" que despoleta a escrita (...)